Como ter um papagaio feliz

 

Como ter um papagaio felizOs animais não são capazes de nos dizerem se estão felizes, mas conseguem transmiti-lo através dos seus comportamentos. Para ser feliz, um papagaio necessita de um certo número de coisas. Estas são as que fazem a diferença entre ter uma ave que vai sobrevivendo e uma ave feliz.

Gaiola

Os papagaios necessitam de uma gaiola principal que seja espaçosa. Este é o local onde a ave passa a maior parte do tempo e deve ser confortável para que consiga abrir as asas. Não há um tamanho máximo para as gaiolas dos papagaios, quanto maior melhor.

Brinquedos

Os papagaios são animais inteligentes que se aborrecem facilmente caso não tenham algo com que se distraírem. Brinquedos e poleiros devem estar sempre presentes. Aposte na variedade dos poleiros e vá rodando os brinquedos.

Localização

Os papagaios são muito sensíveis ao meio que os rodeia. Coloque a gaiola numa zona calma, com luz solar indirecta e abrigada da chuva e do vento. Evite barulhos intensos, fumo e mantenha a gaiola limpa. O espaço deve ser bem ventilado e com uma temperatura amena. Isto vai contribuir para que a ave se sinta segura.

Se tem outros animais em casa, sobretudo cães ou gatos, deve certificar-se de que estes não conseguem alcançar o papagaio, ou sequer incomodá-lo com tentativas de o caçar. Se mantém o papagaio no exterior, certifique-se de que a ave está a salvo de predadores e que estes não representam uma ameaça para a saúde mental e física da ave.

Dieta

Nenhum ser consegue ser feliz se não estiver bem alimentado. Os problemas nutricionais nos papagaios são comuns. A dieta deve ser diversificada e composta por alimentos adequados à ave. Opte por guloseimas saudáveis e não exagere nestes mimos.

Exercício

Os papagaios necessitam de exercício. Na natureza são animais habituados a voar com bastante regularidade. Mesmo que não permita ao papagaio o voo livre, pode sempre dar à ave bastante exercício permitindo-lhe sair da gaiola e explorar a divisão. O treino pode também ser uma óptima forma para exercitar o papagaio.

Banhos e limpeza

Os papagaios gostam de tomar banho regularmente se lhes for dada essa oportunidade. Caso não tenha uma banheira no aviário, pode habituar a ave a refrescar-se fora da gaiola. Basta ter uma fonte de água que os papagaios sabem o que fazer. Balde com água, banheira, lavatório, fonte, etc, tudo serve para um bom banho.
Rotina

A grande maioria dos animais gosta de ter uma rotina. O que é inesperado é quase sempre fonte de stress. As aves são particularmente sensíveis ao stress e manter uma rotina ajuda a ave a sentir-se segura.

As aves devem ter 10 a 12 horas de escuridão para poderem dormir sem interrupções durante a noite. De dia, manter horários na alimentação e no exercício beneficiam as aves.

Interacção com humanos

Os Papagaios são animais sociáveis que gostam da companhia dos humanos. Um papagaio mantido sozinho deve passar tempo de qualidade com humanos várias horas por dia.

Deve certificar-se que a ave é apreciada por todos os habitantes da casa e que está a salvo das brincadeiras mais brutas das crianças.

Como reconhecer um papagaio feliz?

Uma ave feliz está em primeiro lugar bem de saúde. Confiantes e sociáveis, as aves felizes sentem-se bem na sua gaiola e gostam de estar com a família humana. Curiosas ou tímidas, não deixam de explorar o local onde se encontram. Apreciam os banhos, a dieta, o exercício e respondem bem ao treino.

Originalmente publicado na Arca de Noé: Fonte
Algumas imagens poderão conter direitos de autor, indicados na fonte.

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer contribuir para a discussão?
Sinta-se a vontade para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *