Veludo: o parasita “em pó”

Veludo: o parasita A melhor forma de manter uma boa saúde dos seus peixes é, por um lado proporcionar-lhes uma dieta equilibrada e adequada às suas necessidades específicas e por outro manter a água e o aquário em perfeitas condições de higiene. Uma vez que a água é o espaço onde os peixes vivem, esta é sempre um veículo de transporte e transmissão de doenças.Uma destas doenças e bastante perigosa é o Veludo. Esta doença é produzida por um parasita denominado Oodinium limneticum. Este organismo aloja-se no peixe e reproduz-se em grandes quantidades que rapidamente cobrem todo o seu corpo.

Muito semelhante à doenças dos pontos brancos, esta doença caracteriza-se pelo aparecimento de uma camada branca (parece pó) por todo o corpo do peixe. É também facilmente tratável recorrendo a medicamentos e seguindo cuidadosamente as instruções de administração.

Para ultrapassar este problema pode também aplicar azul de metileno a 1 % na água do aquário e simultaneamente com um banho diário em água com sal de cozinha na proporção máxima que o peixe possa resistir. Aconselhamos os aquariofilistas com menos experência a não optarem por esta solução e a aconselharem-se nas lojas da especialidade.

Um vez que este parasita se pode alimentar por fotossíntese, recomendamos que coloque o aquário alguns dias no local completamente escuro de modo a que este morra por incapacidade de produzir a sua alimentação.

Originalmente publicado na Arca de Noé: Fonte
Algumas imagens poderão conter direitos de autor, indicados na fonte.

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer contribuir para a discussão?
Sinta-se a vontade para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *